10 agosto 2012

"Rendimento Máximo" por Paulo Morais

É um texto extraordinário o que aqui deixo, e que acaba assim:


E quem são eles os estes? Começa com Cavaco, depois a Assunção, o Relvas, o Jardim, o Macário e tantos, tantos outros! Como pode isto não ser a semente de uma nova revolta. É que os portugueses acordaram finalmente, por enquanto aqui, através dos Paulos Morais e mais poucos que se atrevem, mas mais dia menos dia chega ao pessoal da lavoura, das fábricas, dos quartéis e depois? Haverá troika que os salve? Abdiquem! Comecem a moralização disto pela vossa atitude. Silva Lopes já o pediu expressamente, já disse que não precisa de ganhar tanto, mas ninguém lhe liga. Pudera. Divulguem este texto, falem disto, felicitem o Paulo Morais apesar das cores dele não serem as nossas, que bem merece. Mas leiam. Publicado no Correio da Manhã que me desculpará a cópia integral:


1 comentário:

Rogério Pereira disse...

Há dois erros tremendos no texto de Paulo Morais: O primeiro é queixar-se de incompreensão dos pensionistas de luxo; o segundo é não entender que estas são as reformas que eles entendem que o país precisa.